Notícias

Catedral de Campinas é marcada por um trágico acidente

Catedral de Campinas é marcada por um trágico acidente

Uma triste notícia abalou a cidade de Campinas na 3a. feira, dia 11 de dezembro de 2018, por volta de 13h. Um homem matou ao menos quatro pessoas e depois se suicidou durante um ataque dentro da Catedral Metropolitana de Campinas. Testemunhas relatam que o atirador invadiu a missa e disparou aleatoriamente contra elas.

Euler Fernando Grandolpho, de 49 anos, não tinha nenhum antecedente criminal, segundo o delegado José Henrique Ventura, do Deinter 2 (Departamento de Polícia Judiciária de São Paulo Interior 2), responsável pelo caso. “Era uma pessoa fora de qualquer suspeita em circunstâncias normais”, disse o delegado. Euler era analista de sistema e portava uma pistola 9 milímetros com indício de ter sido adquirida ilegalmente.

Quem é o seu Anjo da Guarda? Descubra gratuitamente

Os anjos da guarda são seres divinos designados a nos guardar e proteger de todos os males que a vida terrena pode nos oferecer.


Acreditamos que eles foram criados para serem um intermédio entre os humanos e o divino.

SABER O MEU »

A polícia, entretanto, ainda não sabe a motivação do crime. Além dos cinco mortos, quatro pessoas ficaram feridas. Dois dos feridos foram levados para o Hospital Municipal Mário Gatti, um para o Hospital de Clínicas da Unicamp e outro no hospital Beneficência Portuguesa. Três já tiveram alta. O delegado ainda afirmou que, aparentemente, o atirador não tinha “nenhuma relação” com as vítimas, que ainda estão sendo identificadas.

A Arquidiocese de Campinas se pronunciou em Nota Oficial

Por volta das 13h15 de hoje, 11 de dezembro de 2018, após a missa das 12h15, um homem, em porte de duas armas de fogo, entrou na Catedral de Campinas e efetuou disparos contra os fiéis que faziam suas orações. A ação foi rápida e resultou no óbito de quatro pessoas. Após os disparos, o homem atirou contra si mesmo. Ainda não sabemos as motivações destes disparos.

A Catedral Metropolitana de Campinas fica em uma região central da cidade, e é muito movimentada no horário do almoço. O monsenhor Rafael Capelato, pároco da Catedral relatou:

Estamos consternados com essa situação. A missa acontece 12h15 diariamente. Encerrada a missa desta tarde, com a maior parte dos fiéis tendo saído da Igreja, aconteceu o episódio desse rapaz atirar em pessoas que ainda estavam orando na Igreja.

Às 12h15 do dia 12 de dezembro de 2018 a catedral celebrou uma missa em sufrágio pelas almas dos fiéis falecidos.

Leia mais notícias do mundo católico no Rumo da Fé.

COMPARTILHE