Orações

Rezar o terço: aprenda com rezar de forma simples

Rezar o terço

Mais do que uma prática religiosa, rezar o terço tornou-se símbolo de devoção e fé entre os católicos. O ato de rezar usando como guia um cordão de nós ou contas surgiu em meados do ano 800. Na época, leigos que não sabiam ler para acompanhar os salmos, e visitavam mosteiros e conventos, habituaram-se a rezar 150 Aves Maria.

Como surgiu a oração do terço

Mas foi em 1214, após a aparição de Nossa Senhora para São Domingos, que a devoção ao terço se disseminou entre os católicos.
Diante dos pecados da humanidade, São Domingos resolveu se exilar dentro de uma mata por três dias e três noites. Durante todo o tempo, ele permaneceu em comunhão, fazendo penitencias e orando para que Jesus Cristo tivesse piedade dos homens.

Quem é o seu Anjo da Guarda? Descubra gratuitamente

Os anjos da guarda são seres divinos designados a nos guardar e proteger de todos os males que a vida terrena pode nos oferecer.


Acreditamos que eles foram criados para serem um intermédio entre os humanos e o divino.

SABER O MEU »

Quando o corpo já não aguentava mais tamanha devoção, São Domingos desmaiou e recebeu a visita de Nossa Senhora, acompanhada de três anjos. Consta na história que, durante a aparição, Maria citou a Santíssima Trindade e pediu para que rezassem 150 Aves Marias, pois tal ato a agradava.

Ainda na aparição, Nossa Senhora orientou que a maneira de rezar seria usando as meditações da vida, paixão e glória, consideradas bases para a oração.

O que é rezar o terço?

Rezar o terço é uma prática comum entre os católicos romanos feita em grupo ou individualmente. O exercício consiste em uma série de orações com o uso do terço.

Formado por uma corrente de nós ou contas, o terço reúne 50 marcações divididas em três partes iguais, que representam três mistérios da Igreja Católica. São eles: Mistérios Gloriosos, Mistérios Gozosos ou Mistérios Dolorosos. Em 2002, durante seu pontificado, o papa João Paulo II sugeriu aos cristãos que rezassem também os Mistérios Luminosos.

O terço também é conhecido como Santo Rosário. A definição surgiu a partir do Rosário de Virgem Maria, que significa coroa de rosas. Para os devotos, cada reza de Ave Maria corresponde a uma rosa, e ao completar um rosário significa que está recebendo uma coroa de rosas.

Como rezar o terço?

As orações com terço são guiadas pela ordem das contas. Como se fossem etapas, o fiel avança pelas contas até o fim do cordão, completando 35 contas, além do crucifixo na ponta do terço.

Antes de iniciar a reza, o cristão pode optar por seguir o Rosário da Virgem Maria, que consiste em 150 Aves Marias, representando a vida, morte e glória de Jesus Cristo e Maria. Neste caso, é preciso seguir a ordem dos Mistérios Gozosos, Dolorosos e Gloriosos.

Outra opção é rezar o terço diário, para isso o fiel deve-se atentar ao dia específico de cada mistério. Caso seja a opção escolhida, o fiel lê o mistério em voz alta antes de começar a rezar o terço.

 
Conheça outros símbolos da Igreja Católica.

Entenda como rezar

A reza do terço começa no crucifixo pendurado na ponta do cordão. Com a mão direita, o cristão deve fazer o sinal da cruz, fazer o Oferecimento e depois rezar o Credo. Em seguida, reza-se o Pai Nosso segurando a conta grande, o que representa o início dos mistérios. As contas pequenas indicam a reza da Ave Maria.

Os fiéis devem começar o cordão pelo lado esquerdo. Ao fim de cada dezena de Ave Maria, reza-se Glória e, opcionalmente, Jaculatória. Portanto, segue-se a ordem: Pai Nosso, Ave Maria e Glória, até recomeçar a etapa. Ao fim do terço, já no lado direito do cordão, o fiel pode rezar Salve Rainha, o que não é obrigatório no Rosário.

Veja a seguir o conteúdo de cada oração e o passo a passo:

Etapa 1 – Sinal da Cruz

Usar o dedo polegar da mão direita para fazer o sinal da Santa Cruz na testa, nos lábios e no peito. Reza-se: Pelo sinal da Santa Cruz, livrai-nos, Deus, Nosso Senhor, dos nossos inimigos.

Etapa 2 – Oferecimento

Divino Jesus, nós Vós oferecemos este rosário que vamos rezar, meditando nos mistérios da nossa Redenção. Concedei-nos, virtudes que nos são necessárias para bem reza-los e a graça de ganharmos as indulgências desta santa devoção.

Oferecemos, particularmente, em desagravo dos pecados cometidos contra o Santíssimo Coração de Jesus e Imaculado Coração de Maria, pela paz do mundo, pela conversão dos pecadores, pelas almas do Purgatório, pelas intenções do Santo Padre, pelo aumento e santificação do Clero, pelo vosso Vigário, pela santificação das famílias, pelas Missões, pelos doentes, pelos agonizantes, por aqueles que pediram nossas orações, por todas as nossas intenções particulares e pelo Brasil.

Etapa 3 – Sinal da Cruz

Também com a mão direita, fazer o sinal da cruz e rezar: em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo. Amém.

Etapa 4 – Creio

Creio em Deus Pai Todo-Poderoso, criador do céu e da terra, e em Jesus Cristo, Seu único Filho Nosso Senhor, que foi concebido pelo poder do Espírito Santo, nasceu da Virgem Maria, padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado; desceu à mansão dos mortos, ressuscitou ao terceiro dia, subiu aos céus, está sentado à direita de Deus Pai Todo-Poderoso, donde há de vir a julgar os vivos e mortos. Creio no Espírito Santo, na Santa Igreja Católica, na comunhão dos santos, na remissão dos pecados, na ressurreição da carne e na vida eterna. Amém.

Etapa 5 – Pai Nosso

Rezar em todas as contas grandes.

Pai nosso que estais nos céus,
santificado seja o Vosso nome, venha a nós o Vosso reino,
seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no céu.
O pão nosso de cada dia nos dai hoje e perdoai-nos as nossas ofensas,
assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido.
Não nos deixeis cair em tentação, mas nos livrai do mal.
Amém.

Leia o signficado da oração Pai Nosso.

Etapa 6 – Ave Maria

Orar vez vezes nas contas menores.

Ave-Maria, cheia de graça.
O Senhor é convosco e bendita sois vós entre as mulheres.
Bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus.
Santa Maria Mãe de Deus,
rogai por nós, os pecadores,
agora e na hora de nossa morte.
Amém.

Leia mais sobre oração Ave Maria.

Etapa 7 – Glória ao Pai

Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo. Assim como era no princípio, agora e sempre, e por todos os séculos dos séculos. Amém.

Etapa 8 – Jaculatória (opcional)

Ó meu Jesus, perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu e socorrei principalmente as que mais precisarem.

Etapa 9

Recomeça a etapa até o fim do terço.

10. Salve Rainha

Salve Rainha, Mãe de misericórdia, vida, doçura e esperança nossa, salve! A vós bradamos os degradados filhos de Eva. A vós suspiramos, gemendo e chorando neste vale de lágrimas. Eia pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei. E depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto de vosso ventre. Ó clemente! Ó piedosa! Ó doce sempre Virgem Maria! Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém.

Mistérios Gozosos (segundas-feiras e sábados)

  • 1º mistério contempla-se a anunciação do anjo e encarnação do verbo no seio puríssimo de Maria;
  • 2º mistério contempla-se a visitação de Nossa Senhora a sua prima Santa Isabel;
  • 3º terceiro mistério contempla-se o nascimento de Nosso Senhor Jesus Cristo em Belém;
  • 4º mistério contempla-se a apresentação do Menino Jesus no templo e a purificação de Nossa Senhora;
  • 5º mistério contempla-se a perda e encontro do Menino Jesus no templo, discutindo com os doutores da lei.

Mistérios Dolorosos (reza-se às terças e sextas-feiras)

  • 1º mistério contempla-se a oração e agonia de Nosso Senhor Jesus Cristo no horto;
  • 2º mistério contempla-se a flagelação de Nosso Senhor Jesus Cristo;
  • 3º mistério contempla-se a coroação de espinhos de Nosso Senhor Jesus Cristo;
  • 4º mistério contempla-se Nosso Senhor Jesus Cristo com a cruz nas costas a caminho do calvário;
  • 5º mistério contempla-se a crucificação e morte de Nosso Senhor Jesus Cristo.

Mistérios Gloriosos (quintas-feiras)

  • 1º mistério contempla-se a gloriosa ressurreição de Nosso Senhor Jesus Cristo;
  • 2º mistério contempla-se a ascensão de Nosso Senhor Jesus Cristo;
  • 3º mistério contempla-se a descida do Espírito Santo sobre Nossa Senhora e os apóstolos;
  • 4º mistério contempla-se a assunção de Nossa Senhora aos céus em corpo e alma;
  • 5º mistério contempla-se a coroação de Nossa Senhora como Rainha dos Céus e da Terra.

Mistérios Luminosos (opcional às quintas-feiras)

  • 1º mistério contempla-se o batismo de Jesus no rio Jordão;
  • 2º mistério contempla-se a realização do primeiro milagre de Jesus transformando a água em vinho, nas bodas de Caná da Galileia;
  • 3º mistério contempla-se a pregação de Jesus anunciando o Reino de Deus e convidando à conversão;
  • 4º mistério contempla-se a transfiguração de Jesus no Monte Tabor;
  • 5º mistério contempla-se a instituição da Eucaristia na Última Ceia.

Onde rezar o terço?

Não há local determinado pela igreja para os católicos rezarem o terço. Contudo, é comum vermos os fiéis reunidos na igreja, em casa ou em locais onde são realizados eventos religiosos para rezar o terço.

Também existem retiros e casas paroquias que organizam novenas e encontros em que há momentos reservados para as orações.
Independentemente do local escolhido para rezar o terço, o importante é a comunhão e o pensamento voltado aos mistérios da igreja para alcançar-se o objetivo.

Leia também sobre o terço da Misericórdia.

Por que rezar o terço?

O terço é a segunda oração mais popular da Igreja Católica. Só fica atrás do Pai-Nosso. Durante muito tempo, a Igreja intensificou a oração do terço nos momentos de luta. São Domingos o considerava uma arma espiritual e os Papas chamavam Maria de “vencedora das heresias“.

O rosário é a arma espiritual da Igreja que “afugenta os demônios“. Em 1569, São Pio V consagrou oficialmente o terço e atribuiu à sua recitação a destruição da heresia e a conversão de muitos pecadores.

Por que rezar o terço

Já o papa Leão XIII (1878-1903), conhecido sobretudo pelas suas encíclicas relacionadas às questões sociais, escreveu pelo menos 16 documentos sobre o terço. Ele recorda o papel de São Domingos e como a oração do terço ajudou a derrotar os hereges albigenses no sul da França, nos séculos XII e XIII.

O papa Bento XVI, antecessor de Francisco, disse em 2010 que “a oração do terço nos permite fixar o olhar e o coração em Jesus, como sua mãe, modelo insuperável da contemplação do filho“.

Segundo Bento XVI, “Ao meditarmos os mistérios gozosos, luminosos, dolorosos e gloriosos ao longo das ave-marias, contemplamos todo o mistério de Jesus, desde a Encarnação até a Cruz e a glória da Ressurreição; contemplamos a participação íntima de Maria neste mistério e a nossa vida em Cristo hoje, também ela tecida de momentos de alegria e de dor, de sombras e de luz, de trepidação e de esperança”.

 O terço em si

O terço é um cordão formado por um crucifixo e contas em diversos tamanhos, que diferem a oração feita pelo cristão. Na ponta, o crucifixo marca o início da reza. Ao longo do terço, a conta maior representa a oração do Pai Nosso, e as menores significam a reza da Ave Maria. Ao rezar o terço, o fiel passa por mais de 30 contas, até encerrar o ciclo.

COMPARTILHE