Igrejas e Santuários

Igreja de Santa Rita de Cássia no Brasil: conheça os endereços

Igreja de Santa Rita de Cássia

Procurando algumas das igrejas mais bonitas do Brasil dedicadas à Santa Rita? Conheça neste artigo a Igreja de Santa Rita de Cássia mais próxima de você, encontre o endereço, curiosidade e mais informações sobre cada um das igrejas.

Quem é a santa?

Santa Rita de Cássia foi casada com um homem violento, ficou viúva, viu a morte de seus filhos gêmeos e carregou a chaga de Jesus Cristo na testa por 15 anos como uma demonstração de amor e penitência.

Quem é o seu Anjo da Guarda? Descubra gratuitamente

Os anjos da guarda são seres divinos designados a nos guardar e proteger de todos os males que a vida terrena pode nos oferecer.


Acreditamos que eles foram criados para serem um intermédio entre os humanos e o divino.

SABER O MEU »

Foi reconhecida como santa das causas impossíveis devido a sua devoção a Jesus Cristo e a resiliência com a qual foi capacitada. Santa Rita de Cássia também é considerada a padroeira dos necessitados graças aos milagres realizados por Deus durante sua vida e após a sua morte. Conheça a história completa de Santa Rita de Cássia e sua oração.

A História de Santa Rita de Cássia

Santa Rita de Cássia nasceu aproximadamente em 1381, na Itália, natural da cidade de Cascia. Em 22 de maio de 1457, ela faleceu aos 76 anos. Todo seu corpo estava coberto por pústulas, mas foi depois de perecer que os milagres começaram a acontecer. Ela recuperou as cores, as feridas se fecharam e o seu corpo exalava um perfume indescritível

A imagem de Santa Rita de Cássia sempre é aparece associada a rosas e figos. A história conta que alguns anos antes de morrer, um de seus parentes foi visitá-la e colheu a flor e a fruta no quintal, em época de muito frio e nevasca.

Em 1627, Santa Rita de Cássia foi beatificada, já as sua canonização só se deu em 1900.

Quem foi Santa Rita de Cássia

Rita de Cássia só ingressou no Convento das irmãs Agostinianas, quando se viu sozinha, após a morte do marido e dos filhos gêmeos. Durante 40 anos, ela viveu junto com as freiras e permaneceu mergulhada na oração focada em Deus.

Santa Rita de Cássia ainda passou por provações para viver no monastério, não foi um desejo tão fácil de ser conquistado. As freiras negaram a sua entrada por algumas vezes, mas as orações em favor de São João Batista, São Agostinho e São Nicolas de Tolentino colocaram a beata no convento.

Súplica a Deus

Um dos fatos que mais marcaram a vida de Santa Rita de Cássia, aconteceu na Sexta-Feira Santa de 1432. Enquanto rezava diante de seu crucifixo, ela suplicou a Deus para compartilhar os sofrimentos de Jesus Cristo.

Após o pedido, Rita de Cássia foi atravessada na testa por uma das espinhas da coroa de Jesus. A chaga em sua testa permaneceu aberta por 15 anos, sendo um dos seus grandes mártires.

A importância da Santa

A história de Santa Rita de Cássia ensina as pessoas a amar. Ela dedicou metade de sua vida única e exclusivamente a Deus. O sofrimento em nada diminuiu o seu amor por pela missão evangelista.

Quem busca ser um verdadeiro devoto da santa deve trilhar o mesmo caminho: alguns na vida matrimonial e outros na celibatária.

Igreja de Santa Rita de Cássia

O Ministério de Santa Rita difundiu-se pelos quatro cantos do mundo. Muitas igrejas foram obras da fé e da união de recursos dos fiéis que dedicavam a caminhada a Deus pelo exemplo de dedicação de Santa Rita de Cássia.

Igreja de Santa Rita de Cássia no Rio de Janeiro

 
 

Uma das principais Igrejas de Santa Rita de Cássia no Brasil está localizada no centro do Rio de Janeiro, no Largo de Santa Rita, esquina com a Rua Miguel Couto, a famosa Matriz da Paróquia de Santa Rita.

O Templo cria um contraste entre bela fachada histórica barroco-rococó do século XVIII entre a grandeza e modernidade dos edifícios locais.

O primeiro culto à Santa Rita de Cássia no Brasil teve início no Rio de Janeiro antes de 1710, quando o fidalgo português Manuel Nascentes Pinto, sua mulher Dona Antônia Maria e o filho Inácio chegaram ao Brasil.

O culto crescia a cada ano, então resolveu aumentar o local da veneração, construindo em sua propriedade uma Capela (atual Igreja de Santa Rita) e mandando vir de Portugal uma rica imagem da santa (está até hoje no altar), guardada na Igreja da Candelária enquanto se construía o pequeno templo, cuja pedra fundamental foi colocada em 1720.

Em 30 de janeiro de 1751, o Templo foi elevado à Igreja Matriz, com a criação da Paróquia de Santa Rita. A capacidade é de 250 fiéis sentados. O templo guarda relíquias de Santa Rita de Cássia e de Santo Lenho, sendo tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN).

Igreja de Santa Rita de Cássia em Paraty

 
 

A Igreja dedicada a Santa Rita em Paraty foi erguida em 1722 pelos pardos libertos sob o milagre de Menino Deus, Santa Rita e Santa Quitéria.

Após alguns anos, restaurada com aumento por devotos brancos que passaram a utilizá-la como matriz durante a construção daquele novo templo. É a igreja mais antiga da cidade.

O templo possui arquitetura jesuítica com elementos internos de características do barroco-rococó, como por exemplo na talha policromada do altar-mor, que possui contornando o frontão, os únicos anjos orantes em altares de Paraty.

Atualmente a igreja segue aberta e abriga o Museu de Arte Sacra de Paraty, sob a responsabilidade do IBRAM. A Igreja de Santa Rita de Paraty é o eterno cartão postal da cidade.

Igreja de Santa Rita de Cássia em Recife

 
 

A devoção a Santa Rita se iniciou em 1726 em Recife, ainda na capela de Nossa Senhora do Terço, quando foi instalada uma Irmandade, sob a proteção de Santa Rita de Cássia. Grandes devotos da santa, recorreram capitão-general e governador de Pernambuco, a fim de obterem um terreno para a construção da igreja. O pedido foi atendido por José Marques do Vale, sargento-mor da capitania de Pernambuco.

José Marques do Vale fez uma doação, no dia 12 de abril de 1783, de um grande terreno, na rua da Praia dos Coqueiros, no bairro de São José, atualmente conhecida como Rua de Santa Rita.

A Irmandade de Santa Rita de Cássia acatou tal solicitação e, no dia 17 de dezembro de 1783, a pedra fundamental foi lançada no templo.

No ano seguinte, a doação de uma casa, situada na mesma rua (da Praia dos Coqueiros), feita por Antônio Vieira Cardoso e por sua esposa, Josefa Maria de Sousa ampliou a Paróquia. Com o novo auxílio, as obras da igreja puderam ser concluídas em 1784.

O templo passou por algumas reformas entre 1868 e 1870; depois, em 1889, após um grande incêndio. Como um milagre, a imagem de Santa Rita de Cássia, saiu ilesa do incêndio, contribuindo para aumentar, ainda mais, a fé de todos os seus devotos.

Igreja de Santa Rita de Cássia em Campinas

A construção da Igreja de Santa Rita de Cássia em Campinas, São Paulo, foi iniciada por Padre Chiquinho Marques de Almeida em 1956, e se estendeu por longos 48 anos. Mesmo com a obra não finalizada, a Igreja seguiu aberta e recebendo fiéis. Só em 2006, quando a obra foi concluída em sua totalidade, recebeu a missa solene de agradecimento.

A Paróquia mantém a “Escola de Educação Infantil Santa Rita de Cássia”, que atende cerca de 150 crianças em período integral.

Onde fica

A igreja está localizada na Av. Dr. Jesuíno Marcondes Machado, 670 – Nova Campinas.

Igreja de Santa Rita de Cássia em Natal

Em Natal, a Paróquia de Santa Rita de Cássia das Causas Impossíveis fica localizada na Rua Praia de Itamaracá, 18, Ponta Negra.

A construção da Igreja também foi iniciada por irmãos religiosos que se uniam para celebrações de vários santos. De 1980 a 2010, muitas obras foram realizadas, até que a Paróquia se estabelecesse como Matriz, com a benção da pedra fundamental.

Igreja de Santa Rita de Cássia em Belém

A Paróquia Santa Rita de Cássia em Belém, foi erguida pelo então Arcebispo Metropolitano de Belém Dom Vicente Joaquim Zico em 4 de agosto de 1990, desmembrada da das Paróquias Santa Paula Frassinetti e Divino Espírito Santo.

Onde fica

A Igreja está localizada na Cidade Nova 5 We 32, nº 642, em Ananindeua.

Igreja de Santa Rita de Cássia em Belo Horizonte 

 
 

A devoção a Santa Rita por todo o povo da região começou em 1931, quando foi realizada a Missa do Cruzeiro.

No ano de 1931, no dia 22 de maio, dia devotado à Padroeira, foi celebrada Missa campal e procissão.

Em 31 de maio de 1942, na Casa Paroquial dos Padres Carmelitas (Igreja Nossa Senhora do Carmo) foi realizada a 1ª reunião da Comissão Construtora da Capela. Em 08 de julho de 1945 foi apreciada a planta da capela que seria construída na Rua São Domingos do Prata, local onde a Igreja está até hoje. Veja a história completa da paróquia de Belo Horizonte.

COMPARTILHE