Santos

Os principais Santos Católicos: confira a lista dos 10 santos

Os principais santos católicosOs principais santos católicos

Os santos, no imaginário coletivo, são pessoas cujas vidas inspiraram a caridade, a virtude e a fé. Esses indivíduos, em suas trajetórias, foram modelos de cristãos e dedicaram o seu tempo à obra de Deus. Por meio da reclusão ou da abnegação, conquistaram o céu.

Do ponto de vista da Teologia, todos os fiéis têm a possibilidade de serem considerados santos. Basta ao homem e à mulher realizar algo de bom pela sociedade em que vivem.

Quem é o seu Anjo da Guarda? Descubra gratuitamente

Os anjos da guarda são seres divinos designados a nos guardar e proteger de todos os males que a vida terrena pode nos oferecer.


Acreditamos que eles foram criados para serem um intermédio entre os humanos e o divino.

SABER O MEU »

Para os católicos, os santos ajudam a fazer a mediação entre fiéis e Jesus. Eles são um canal para a busca de vários desejos, como a cura de uma doença, a conquista de um emprego e proteção.

Como surgem os Santos Católicos

Nos primeiros séculos do cristianismo, todos os santos eram mártires. Eles acabavam executados pelas autoridades romanas por não abandonarem a fé.

Por essa atitude, os mártires tinham os seus túmulos e relíquias venerados. Acreditava-se que os santos compartilhavam do sofrimento de Jesus e ganhavam acesso direto a Deus.

No século 16, a Igreja Católica reafirmou a importância do culto aos santos durante as reformas conduzidas naquele período. Pois, para os críticos, só Jesus tinha o poder de interceder junto a Deus.

Como são definidos os Santos

Para a Igreja, qualquer pessoa pode ser canonizada. No entanto, para que o processo seja iniciado, o nome do candidato a santo deve ser proposto à diocese, geralmente do lugar onde morreu.

Antigamente, os santos eram proclamados por aclamação popular. Para evitar abusos, a Igreja estabeleceu três fases usadas nos dias atuais.

Fases para estabelecer santos hoje em dia

Primeiro, o candidato deve ser servo de Deus, depois beato e finalmente santo. Cabe aos bispos iniciar a investigação sobre a vida do postulante.

Reconhecido o clamor popular sobre o candidato, tem início a coleta de testemunhos, de obras realizadas e de provas documentais das ações dele junto à comunidade em nome de Deus. Para ser beatificado, é necessário atestar a existência de um milagre conseguido de Deus pela intercessão do santo.

Para a canonização, deve ser reconhecido um segundo milagre após a beatificação. No caso daqueles que morreram em nome da fé, não há a necessidade de comprovação para virar santo.

Por isso te convido a conhecer abaixo a breve história dos principais santos católicos do Brasil.

Principais santos católicos no Brasil

O Brasil é a maior nação católica do mundo. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o número chega a 64,6% da população brasileira.

Não é à toa que no Brasil se localiza o maior templo dedicado à Maria: a Basílica de Nossa Senhora Aparecida, incrustada no Vale do Paraíba, em Aparecida do Norte, interior do estado de São Paulo. É uma atração turística que atrai, anualmente, cerca de 12 milhões de pessoas ao santuário.

Assim como Nossa Senhora Aparecida, nosso país possui vários santos brasileiros. Eles são cultuados por fiéis de todo o País.

Mas listamos os 10 santos mais conhecidos no Brasil. Confira abaixo:

Nossa Senhora Aparecida

A primeira santa da lista dos Principais santos católicos é a Nossa Senhora Aparecida. Celebrada em 12 de outubro, Nossa Senhora Aparecida é a Padroeira do Brasil.

Nossa Senhora Aparecida é considerada a Padroeira do Brasil desde 1929. A sua história começou quando, em 1717, um grupo de pescadores resgatou uma imagem de Nossa Senhora da Conceição no rio Paraíba. Em seguida, lançaram a rede mais uma vez e a recolheram repleta de peixes. Foi aí que o milagre aconteceu. Por ser a padroeira do país, é sem dúvida, um dos principais santos católicos no Brasil.

Nossa Senhora Aparecida é conhecida no Brasil como a Maria dos pescadores.

Santa Maria

Outra santa muito famosa e que faz parte da lista dos principais santos católicos é a Santa Maria. Celebrada em 1º de janeiro, Santa Maria é a Mãe de Deus.

A Mãe de Jesus, segundo a Bíblia, o teve sob a graça do Espírito Santo. A Virgem Maria é cultuada pela Igreja Católica por conta de sua entrega a Deus e pela incumbência de criar Jesus Cristo segundo as regras divinas.

Maria, a mãe de Jesus, tem diversos títulos: Mãe de Deus, Virgem Maria, Santa Maria, Nossa Senhora, Nossa Senhora das Graças, Nossa Senhora Aparecida. Todos eles se referem à mesma pessoa, àquela que deu à luz o Filho de Deus, Jesus Cristo. Mas cada título tem sua particularidade, como a Nossa Senhora Aparecida.

Santa Helena

Celebrada em 18 de agosto, Santa Helena é a Santa dos abandonados.

Helena participou das escavações do túmulo de Cristo e foi a responsável pelo reencontro da cruz, em 326. Também achou a gruta do nascimento de Jesus em Belém e o lugar sobre o Monte das Oliveiras onde o filho de Deus esteve com os discípulos antes de subir aos céus. Em homenagem a ela, foi construída uma basílica no Monte das Oliveiras com o nome de Helena.

Conheça mais da história de Santa Helena.

Santo Antônio

Celebrado em 13 de junho, Santo Antônio é o santo da pureza, dos objetos perdidos e dos casamentos.

Principais santos, Santo AntônioNascido em Lisboa no ano de 1195, é um dos principais santos católicos do mundo. Ingressou na Ordem Franciscana, pregou na França e na Itália e faleceu somente com 36 anos de idade. A sua língua, que pregara a palavra divina, foi preservada e até hoje é venerada num relicário, em Pádua.

Leia mais sobre Santo Antônio.

São Jorge

Outro santo que entra na lista dos principais santos católicos é São Jorge. Celebrado em 23 de abril, é o santo das dificuldades.

Padroeiro de Gênova, Inglaterra e Portugal, também é conhecido como o santo guerreiro por ter ressuscitado 300 mortos, resistido a venenos e derrotado um dragão. Nasceu na Capadócia, viveu na Palestina e, após seguir carreira militar, se tornou soldado do Império Romano.

Cristão, se rebelou e passou a protestar contra o imperador Diocleciano quando a autoridade declarou perseguição aos adeptos do cristianismo. Por esse motivo, São Jorge foi decapitado a mando do imperador em 23 de abril de 303. A sua imagem é usada com frequência em amuletos, pingentes, roupas e objetos de decoração.

Conheça mais da história de São Jorge no artigo São Jorge: um santo popular e guerreiro, na mesma medida.

Nossa Senhora de Fátima

Nossa Senhora de Fátima é celebrada em 13 de maio.

Em maio de 1917, o Papa Bento XV convocou os católicos para se unirem em oração e pedirem à Nossa Senhora que intercedesse na Primeira Guerra Mundial. Oito dias depois, ela faz a sua primeira aparição para três pequenos pastores: Lúcia, Francisco e Jacinta. O fato ocorreu em um local chamado de Cova de Iria, em Fátima, Portugal.

Nossa Senhora disse às crianças: “Vim para pedir que venhais aqui seis meses seguidos, sempre no dia 13, a esta mesma hora. Depois vos direi quem sou e o que quero. Em seguida, voltarei aqui ainda uma sétima vez.

Na terceira aparição, Nossa Senhora de Fátima revelou à menina Lúcia um segredo constituído de três partes. Também pediu que ali fosse construída uma capela em sua homenagem.

Santo Expedito

Celebrado em 19 de abril, Santo Expedito é o santo das causas justas e urgentes.

Expedito foi mártir da fé, nasceu na Armênia e comandou a 12ª Legião Romana. Levava uma vida de excessos no exército romano até ter um encontro com Deus e se converter.

A sua fama de “santo das causas justas e urgentes” veio de um episódio onde um espírito do mal apareceu-lhe em forma de corvo dizendo “Amanhã!“, justamente para não ter pressa e adiar a sua conversão.

Sem titubear, Expedito pisoteou o corvo gritando “Hoje!” E é daí que vem a associação a soluções imediatas das causas ou urgentes. Expedito lutou até o fim, mesmo depois de ser flagelado. Ele foi morto após ter a cabeça decepada.

Conheça mais da história de Santo Expedito.

São Francisco de Assis

Celebrado em 4 de outubro, São Francisco de Assis é considerado o santo protetor dos animais.

São Francisco de Assis, ou Giovanni di Pietro di Bernardone, nasceu na cidade de Assis, na Itália, em 5 de julho de 1182. Tornou-se o santo dos Italianos, e aos 24 anos renunciou toda a riqueza para se dedicar à “Senhora Pobreza”.

Em 1206, ouviu um chamado de Cristo que dizia: “Vá, Francisco e restaure minha casa”. Desde então, entrega-se ao serviço de Deus e dos mais necessitados. Em 1208 faz votos de pobreza e começa a pregar sua doutrina.

São Francisco de Assis morreu em Assis no dia 3 de outubro de 1226. Dois anos depois de sua morte, foi canonizado pelo papa Gregório IX.

Conheça os ensinamentos de São Francisco de Assis.

São Judas Tadeu

Celebrado em 28 de outubro, São Judas Tadeu é o santo das causas desesperadas ou perdidas.

São Judas Tadeu foi um dos 12 apóstolos de Jesus. De acordo com a tradição, ele provavelmente teria sido martirizado a golpes de lanças, machados e porretes no dia 28 de outubro de 70.

Principais santos, São Judas Tadeu

Santa Brígida da Suécia, mística e padroeira da Europa, escreveu que um dia Jesus lhe recomendou que quando quisesse obter certos favores, deveria pedir pela intercessão de São Judas Tadeu. Por esta razão é considerado padroeiro das causas impossíveis, assim como Santa Rita de Cássia.

Conheça mais da história de São Judas Tadeu.

São Cosme e Damião

São Cosme e Damião são celebrados em 26 de setembro e são os santos protetores das crianças

Cosme e Damião eram irmãos gêmeos, médicos e viveram na Ásia Menor. Curavam pessoas e animais sem cobrar dinheiro. Morreram por volta do ano 300 d.C. degolados, vítimas de uma perseguição do imperador romano Deocleciano. Eles são os padroeiros dos farmacêuticos, médicos e das faculdades de medicina.

Os irmãos também são considerados protetores dos gêmeos e das crianças e por isso fazem parte da lista dos principais santos católicos. Por isso, as pessoas criaram o costume de distribuir os doces para homenagear os santos ou cumprir promessas feitas a eles.

Conheça mais sobre a história de São Cosme e Damião.

Da lista dos principais santos católicos, de qual deles você é devoto?

COMPARTILHE