Santos

Santa Teresa: a padroeira dos professores

Santa Teresa

A história de Santa Teresa ressalta a importância de aliar a fé ao amor, e o quanto é precioso amar a Deus, e ao próximo acima de todas as coisas. Iniciada na fé ainda muito pequena, Terezinha deu entrada ao Mosteiro das Carmelitas já na adolescência, recebendo uma honrosa permissão do Papa vigente.
Sua história mostra que nunca é cedo ou tarde demais para tomar para si o amor de Deus. O amor é a sua principal mensagem!

Quem foi Santa Teresa

Batizada Marie Françoise Thérèse Martin, Santa Terezinha nasceu na cidade de Alençom, na França, em 1873, e compreendeu a vocação religiosa logo na adolescência.

Quem é o seu Anjo da Guarda? Descubra gratuitamente

Os anjos da guarda são seres divinos designados a nos guardar e proteger de todos os males que a vida terrena pode nos oferecer.


Acreditamos que eles foram criados para serem um intermédio entre os humanos e o divino.

SABER O MEU »

Vinda de uma família humilde, com muitos irmãos, ela sempre vivenciou a partilha, a humildade e a simplicidade. Valores estes sempre pregados pela palavra do Evangelho.

A ousadia da fé

A história conta que Terezinha, após já ter perdido a mãe, foi curada de uma grave doença na adolescência, logo após avistar a imagem da Imaculada Conceição de Maria. Após esse milagre, Terezinha decidiu que deveria iniciar sua vida e vocação, entrando para o Carmelo.

Decidida por sua entrega, Santa Terezinha encontrou a barreira da idade, uma vez que tinha apenas 14 anos quando tomou a decisão de se tornar carmelita. Mas, destemida como era, conseguiu pedir autorização ao Papa Leão XIII, que concedeu a entrada de Terezinha ao Carmelo, mesmo sem estar dentro dos requisitos mínimos.

As portas lhes foram abertas em 1888, ela optou pelo nome religioso de Thérèse de I’Enfant Jesus (Teresa do Menino Jesus). Deu-se aí o início de uma vida pautada pelo amor e dedicação ao evangelho de Jesus Cristo.

Curiosidades de Santa Teresa

Sendo a caçula da família, as irmãs que optaram pela vida religiosa, como Paulina, foram as primeiras inspirações para Terezinha. Além dela, uma de suas grandes inspirações foi a espanhola Santa Teresa de Jesus (Santa Teresa D’Ávila). Outra mulher aguerrida que lutou pelos menos favorecidos.

No caminho de sua jornada de fé, Terezinha foi mostrando ao mundo que a santidade e o coração puro estavam representados nas pequenas coisas, gestos e tudo o mais que realizamos com amor em nossa vida.

Curiosamente, Santa Terezinha sempre instigou as missões dos demais, mesmo sem nunca ter saído do Carmelo. Ela se propôs a manter a chama da igreja acesa, estando presente em oração e mantendo suas preces, prezando por quem saísse para a realização de suas missões.

As rosas em suas mãos simbolizam uma promessa feita pela Santa, ainda quando entrava para a juventude. As rosas simbolizam a intercessão de santa Terezinha por todos aqueles que a pedem em oração.

Amor incondicional

Terezinha sofreu com a tuberculose, por quase três anos, até a doença lhe tirar a vida.

Seus dizeres e reflexões, sempre guardados com prestígio e atenção, eram então registrados pelas companheiras de Carmelo.

Sua última frase foi: “Não me arrependo de haver-me entregue ao amor. E com o olhar fixo no crucifixo exclamou: Meu Deus, eu te amo.” Então, faleceu a jovem que depois foi chamada de a Maior Santa dos tempos modernos.

Na História da Igreja Católica

 
 

Antes de ser canonizada, Santa Teresa do Menino Jesus foi beatificada em abril de 1923. Sua canonização foi feita pelo Papa Pio Xl, em 1925 no dia 17 de maio.

No ano de 1927 foi declarada Patrona Universal das Missões Católicas. Foi nomeada Padroeira Secundária da França, junto com Santa Joana D’arc. Em 1997 no centenário de sua morte, o Papa João Paulo ll, na Carta Apostólica, Divinis Amoris Scientia, a declara Doutora da Igreja por causa da sua mensagem da Infância Espiritual e da Contemplação da Face de Cristo. Seus pais, Luis Martin e Zélia Guerin, foram beatificados pela Igreja, no ano de 2008, no dia Mundial das Missões, na basílica de Lisieux, dedicada a Santa Terezinha.

Santa Teresa padroeira

Além de padroeira da França, Santa Teresa tem uma missão muito especial: é considerada a padroeira e protetora dos professores, função tão importante para a sociedade, desde os primórdios da civilização. Se você é professor ou conhece um grande professor, não deixe de compartilhar o artigo com essa pessoa.

Templos de Santa Teresa

Além da grande e belíssima Basílica na cidade Lisieux, na França, no Brasil também são diversos os templos em homenagem a história de Santa Terezinha do Menino Jesus.

Entre as espalhadas pelo interior de São Paulo e em alguns outros Estados, a Basílica construída em sua homenagem, no Rio de Janeiro, caminha para completar seu centenário de existência.

Novena de Santa Teresa

A novena de Santa Terezinha é, mais do que nunca, um exercício de fé e perseverança. Reza-se a oração abaixo, e após isso, repete-se vinte e quatro vezes o Glória, depositando sua intenção e pedido, diretamente do seu coração.

Santíssima Trindade, Pai, Filho e Espírito Santo, eu Vos agradeço todos os favores, todas as graças com que enriquecestes a alma de Vossa serva Teresa do Menino Jesus durante os 24 anos que passou na Terra.
Pelos méritos de tão querida santinha, concedei-me a graça que ardentemente, vos peço: (fazer o pedido), se for conforme a Vossa Santíssima vontade e para salvação de minha alma.
Ajudai minha fé e minha esperança, ó Santa Terezinha, cumprindo, mais uma vez, sua promessa de que ninguém vos invocaria em vão, fazendo-me ganhar uma rosa, sinal de que alcançarei a graça pedida”.
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo, como era no princípio agora e sempre.
Amém!.

Santa Terezinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

Oração de Santa Teresa do Menino Jesus

Além da oração da novena, confira abaixo mais uma oração pela intercessão amorosa de Santa Terezinha do Menino Jesus.

Ó Santa Terezinha, branca e mimosa flor de Jesus e Maria, que embalsamais o Carmelo e o mundo inteiro com vosso suave perfume, chamai-nos e nós correremos convosco, ao encontro de Jesus, pelo caminho da renúncia, do abandono e do amor. Fazei-nos simples e dóceis, humildes e confiantes para nosso Pai do céu. Não permitais que o ofendamos com o pecado. Socorrei-nos em todos os perigos e necessidades; socorrei-nos em todas as aflições e alcançai-nos todas as graças espirituais e temporais, especialmente a graça que estamos precisando agora, (fazer o pedido). Lembrai-vos ó Santa Terezinha, que prometestes passar vosso céu fazendo o bem a terra, sem descanso, até ver completo o número de eleitos. Cumpri em nós vossa promessa: sede nosso anjo protetor na travessia desta vida e não descanseis até que nos vejais no céu, ao vosso lado, contando as ternuras do amor misericordioso do Coração de Jesus.
Amém

COMPARTILHE