Santos

São Roque: o protetor contra a peste e padroeiro dos inválidos e dos cirurgiões

São RoqueSão Roque

São Roque chamou a atenção, desde pequeno, graças a uma marca no peito: uma cruz vermelha. Nascido na França, viveu um período na Itália e, hoje, é venerado pelos fiéis católicos no Brasil. Tanto que, no interior de São Paulo, uma cidade leva o nome do santo.

Para a Igreja, São Roque é o protetor contra a peste e também é o padroeiro dos inválidos e dos cirurgiões.

Quem é o seu Anjo da Guarda? Descubra gratuitamente

Os anjos da guarda são seres divinos designados a nos guardar e proteger de todos os males que a vida terrena pode nos oferecer.


Acreditamos que eles foram criados para serem um intermédio entre os humanos e o divino.

SABER O MEU »

Nas igrejas, o santo é retratado em esculturas e pinturas com uma ferida na perna. Não é à toa nem é um capricho criativo do artista.

Confira abaixo o significado dessa marca na pele de São Roque. Saiba também a história dessa santo, um dos mais importantes da Igreja Católica.

História de São Roque

Roque nasceu em 1295 na cidade de Montpellier, no sul da França. Ficou órfão dos pais quando tinha entre 15 e 20 anos e herdou uma fortuna. Porém, como cristão convicto, desejava viver na pobreza, assim como Cristo.

Decidido, Roque confiou todo o seu dinheiro a um tio e partiu para Roma. Na cidade italiana, rezava diariamente sobre o túmulo de São Pedro e começou a cuidar de vítimas da peste negra.

Depois de três anos em Roma,  Roque decidiu retornar para Montpellier. Durante a viagem, ele próprio foi contagiado pela doença em Piacenza, na Itália. Para não passar a doença, arrumou um lugar na floresta para esperar pela sua morte.

A partir desse momento, o santo começou a sentir mais intensamente a presença de Deus. Ele viu nascer na floresta, perto da cabana onde vivia, uma pequena fonte de água límpida e cristalina. Sentia um grande alívio em suas feridas ao beber e se lavar no local.

Um cachorro também o encontrou na floresta e começou a levar diariamente pão para o santo. Curado, o santo retornou para a França, mas logo foi preso.

Roque foi considerado um espião. Por esse motivo, ele passou alguns anos em uma prisão até morrer, abandonado e esquecido. Foi reconhecido somente depois de morto, pela cruz que tinha marcada no peito.

Primeiro milagre de São Roque

O primeiro milagre atribuído ao santo após o seu falecimento envolveu um carcereiro. Segundo a tradição, o indivíduo manco de nascença ficou imediatamente curado e começou a andar normalmente após tocar o corpo do santo – para constatar se realmente estava morto.

Esse milagre teria ocorrido em 16 de agosto de 1327. Roque estava na prisão de seu país de origem.

Fim da peste negra

Os milagres atribuídos a  Roque se estenderam após a morte do santo. No Concílio de Constança (1414 – 1418), o 16º Concílio Ecumênico da Igreja Católica, a praga ainda ameaçava a população.

Os dirigentes do concílio pediram a proteção e a intercessão de Roque, e a peste negra finalmente acabou. Por esse motivo, a sua canonização e seu culto foram aprovados rapidamente.

O seu culto foi reconhecido em 1584 pelo papa Gregório XIII, que manteve a sua festa no dia de sua morte. Hoje, as relíquias de  Roque são veneradas na basílica dedicada a ele em Veneza, Itália.

Oração de São Roque

 

Confira abaixo a oração do santo completa:

Glorioso São Roque, alcançai-nos de Cristo Nosso Senhor as graças que nos são necessárias para vivermos dignamente a vida cristã. Aumentai em nós a fé, a esperança e a caridade.
Seguindo o Vosso Exemplo queremos amar a Deus sobre todas as coisas e amar ao próximo como Cristo nos mandou. Queremos ajudar aos pobres, aos doentes, aos necessitados de toda a espécie, como vós mesmo o fizestes.
E que um dia, na glória do céu, nós possamos, convosco, gozar da vida eterna.
Amém.

Oração de São Roque para alcançar a cura

Conheça também a oração para alcançar a cura:

Ó inefável padroeiro nosso, São Roque, pela ardente caridade com que amastes o próximo nesta terra, chegastes a expor vossa própria vida para assisti-lo nas necessidades e doenças, especialmente nas moléstias contagiosas. Oh! Fazei que estejamos sempre livres dessas terríveis enfermidades e livrai-nos da peste ainda perigosa que é o pecado.
Amém.

Dia de São Roque

A festa litúrgica em homenagem ao santo ocorre no dia 16 de agosto. Nessa data, em 1327, o santo faleceu na França.

Santo padroeiro

Roque é padroeiro da cidade homônima, situada no interior de São Paulo. Na igreja matriz, há uma parcela do braço do santo, relíquia concedida em 1953 pelo cardeal Adeodato Piazza e guardada em um relicário feito em Milão, na Itália.

O santo também foi declarado padroeiro de Veneza, na Itália, em 1576. No local, existe uma das igrejas mais bonitas em homenagem ao santo.

Igreja de São Roque em Veneza

A Igreja do santo está localizada na praça Campo San Rocco, em Veneza, na Itália. Seu nome é uma homenagem ao santo padroeiro da cidade.

Construída entre 1478 e 1494, a igreja guarda algumas relíquias de Roque. A fachada é decorada com estátuas de Giovanni Marchiori e, por dentro, tem expostas obras de artistas como Tintoretto, que retratou cenas da vida do santo.

A Igreja de do santo fica na Calle Tintoretto, 3063, em Veneza, na Itália. A entrada é gratuita.

COMPARTILHE